Brasil x Espanha: um confronto de 79 anos e apenas oito jogos


Finalistas da Copa das Confederações, Brasil e Espanha se enfrentaram poucas vezes. Desde o primeiro confronto, em 1934, quando os espanhóis eliminaram os brasileiros na Copa da Itália, foram apenas oito jogos. O que não significa que não foram jogos importantes, já que apenas três destes eram amistosos. Os outros cinco foram exatamente em Copas do Mundo. A vantagem geral, nos números, é brasileira, com 4 vitórias. A Espanha venceu duas vezes e aconteceram dois empates. O Brasil fez 11 gols e levou oito. Para a turma que gosta de tabus, o jogo de 1934 foi o único jogo oficial que a Espanha derrotou o Brasil. Os brasileiros fãs de superstições vão gostar de saber que a Espanha nunca venceu a seleção canarinho no Brasil (foram apenas dois jogos, um deles no Maracanã, palco da final de domingo...). Por outro lado, a última vitória brasileira foi em 1986 (mas foram apenas dois jogos desde então....).

Na primeira partida entre os dois, jogo único, eliminatório e 3 a 1 para a Espanha no estádio Luigi Ferraris, em Gênova. A revanche brasileira veio também em uma Copa do Mundo, na fase final de 1950, com uma goleada histórica por 6 a 1 no Maracanã. Confira o vídeo abaixo:


Na Copa do Chile, em 1962, vencida pelo Brasil, vitória por 2 a 1 no estádio Sausalito, em Viña del Mar, gols de Amarildo, o substituto de Pelé no Mundial. A Espanha foi eliminada na ocasião. Novamente em uma Copa, desta vez em 1978, empate em 0 a 0 na primeira fase, em Mar del Plata, na Argentina.  Veja imagens abaixo:


O primeiro amistoso entre as duas seleções aconteceu em 1981, na Fonte Nova, em Salvador, quando o Brasil venceu por 1 a 0, gol do atacante Baltazar. Cinco anos depois, a última vitória brasileira e o derradeiro confronto em Copas do Mundo, 1 a 0 no estádio Jalisco, em Guadalajara, no México, gol de Sócrates. O jogo foi marcado por reclamações dos espanhóis, por causa de uma bola chutada por Michel que quicou dentro do gol, fato não observado pela arbitragem. Veja imagem abaixo:


Depois do encontro no Mundial, Brasil e Espanha fizeram apenas dois amistosos, ambos na Europa. Em 1990, na estreia de Falcão no comando brasileiro, vitória espanhola por 3 a 0, em Gijón. O último encontro aconteceu em Vigo, em 1999, quando aconteceu um empate em 0 a 0.

Amistosos contra clubes e combinados
Por incrível que pareça, a Seleção Brasileira fez mais jogos contra clubes, combinados e seleções regionais da Espanha do que contra a própria Seleção Espanhola. São 12 amistosos. Entre 1934 e 2005, o Brasil jogou quatro vezes contra a Seleção da Catalunha (2 vitórias, um empate e uma derrota), duas vezes contra o Barcelona (dois empates), duas vezes contra o Atlético de Madrid (2 vitórias), uma vitória contra um combinado de Madri, uma vitória sobre o Valencia, um empate contra o Athletic Bilbao e um empate contra o Sevilla.

Comentários